Ciências Humanas e Comunicação

A Prática do Assistente Social em uma Comunidade Sustentável

Desafios para a Sociedade Contemporânea

Denise Yaśodã Freitas Dornelles

2009 — 1ª edição

Estoque esgotado

Fora de Catálogo

Sobre o Livro

ISBN: 9788561209346
Páginas: 160
Formato: 17x24 cm
Ano de Publicação: 2009
Peso: 0.330 kg

Conteúdo

1 - INTRODUÇÃO
1.1. Teias e tessituras I
1.1.1. Origem e limites do estudo
1.1.2. Os objetivos do estudo e a definição do problema
1.1.3. Os sujeitos do estudo
1.1.3.1. Um pouco do cenário onde a prática profissional
se vem configurando

2 - A METODOLOGIA EMPREGADA NO ESTUDO
2.1. Os caminhos percorridos
2.1.1. Os procedimentos
2.1.2. Operadores transversais do estudo: O que são?
2.1.2.1. Teias e Tessituras II: Diálogos com os operadores de análises

3 - REVISÃO DA LITERATURA
3.1. Diálogos disfarçados de monólogos
3.1.1. Primeiro diálogo: revisão do conceito de ecologia
3.1.2. Segundo diálogo: a ecologia profunda
3.1.3. Terceiro diálogo: a ecologia a partir da teoria da complexidade
3.2. Dialogando com as teorias que dão sustentação a este
processo de estudo
3.2.1. A Autopoiésis

4 - ELEMENTOS EMERGENTES NA E/OU DA PRÁTICA DO ASSISTENTE SOCIAL EM UMA COMUNIDADE SUSTENTÁVEL
4.1. As emergências necessárias para a formação profissional do Assistente Social em face das crises socioeconômico-ambientais que afligem o mundo contemporâneo
4.2. Diversidade e desafio
4.2.1. As traduções feitas a partir das trilhas percorridas no cotidiano
da prática profissional
4.2.2. Das marcas e caminhos
4.2.2.1. Questão de orientação
4.2.2.2. URI/FW Agosto, 2005. Primeiro dia de aula. Disciplina de
Processo de Trabalho I
4.2.2.3. Na Comunidade Morada da Paz tudo é
4.2.2.4. O campo da reflexão
4.2.2.5. URI/FW Setembro, 2005. Na Disciplina de Política Social II
4.2.2.6. Um dia antes deste, na Comunidade Morada Da Paz -
setembro de 2005
4.2.2.7. O campo da reflexão
4.2.2.8. A intenção

5 - CONSIDERAÇÕES FINAIS
5.1. As dificuldades e rupturas
5.2. As angústias e euforias

REFERÊNCIAS

GLOSSÁRIO

Sinopse

O presente livro trata da consciência ecológica como caminho para contribuir na qualificação da formação profissional do Assistente Social. Apresenta a teoria da Complexidade como orientação para a construção desta problemática, a partir da análise do estudo de caso feito da prática de um Assistente Social em uma comunidade sustentável. Muito mais que trazer respostas prescritivas, este livro busca problematizar, chamar a atenção para a necessidade do Serviço Social, em especial, o campo da formação dos Assistentes Sociais, dialogar com outras correntes teóricas, com outros aspectos da dinamicidade do real e com outros modos de intervir, de construir e desenvolver saberes. Com base na pesquisa qualitativa, utilizaram-se entrevistas semi-estruturadas com moradores de uma comunidade sustentável, diário de campo, observação participante e fotografias que forneceram o material empírico para análise do cotidiano da comunidade. Estas informações foram sistematizadas e analisadas com base em eixos operadores de análise previamente estabelecidos, de forma que possibilitassem que o estudo pudesse ser replicado em universos com as mesmas características ou distintas do cenário no qual a pesquisa se desenvolveu.

Ver maisVer menos

Depoimentos sobre o livro

Envie seu depoimento

Seja o primeiro a publicar um depoimento sobre o livro!