Catalisadores Metálicos na Reforma de Nafta

Luciene Santos Carvalho

2011 — 1ª edição

Estoque esgotado

Fora de Catálogo

Sobre o Livro

ISBN: 9788580390452
Páginas: 174
Formato: 15,5x23,5 cm
Ano de Publicação: 2011
Peso: 0.319 kg

Conteúdo

1 INTRODUÇÃO

2 OBJETIVOS

3 REVISÃO DA LITERATURA
3.1 Finalidade do Processo de Reforma de Nafta de Petróleo
3.2 Composição da Alimentação na Reforma de Nafta
3.3 Reações Envolvidas na Reforma de Nafta
3.3.1 Desidrogenação de Naftenos
3.3.2 Isomerização de Naftenos
3.3.4 Desidrociclização de Parafinas
3.3.5 Hidrocraqueamento de Parafinas
3.4 Descrição do Processo de Reforma de Nafta e Classificação das Unidades Industriais
3.5 Variáveis Operacionais do Processo de Reforma de Nafta
3.5.1 Temperatura de Operação no Processo de Reforma de Nafta
3.5.2 Pressão de Operação no Processo de Reforma de Nafta
3.5.3 Razão Molar Hidrogênio-hidrocarboneto (H2:HC) de Operação no Processo de Reforma de Nafta
3.5.4 Velocidade Espacial de Operação no Processo de Reforma de Nafta
3.6 Catalisadores Empregados na Reforma de Nafta
3.6.1 A Bifuncionalidade dos Catalisadores de Reforma de Nafta
3.6.3 Catalisadores Bimetálicos e Multimetálicos Empregados na Reforma de Nafta
3.6.4 Cuidados a Serem Tomados com os Catalisadores antes do Início do Processo de Reforma de Nafta
3.6.5 Desativação dos Catalisadores de Reforma de Nafta
3.6.5.1 Desativação dos Catalisadores por Envenenamento
3.6.5.1.1 Envenenamento dos Catalisadores por Enxofre
3.6.5.1.2 Envenenamento dos Catalisadores por Nitrogênio
3.6.5.1.3 Envenenamento dos Catalisadores por Silício
3.6.5.1.4 Envenenamento dos Catalisadores por Metais e Arsênio
3.6.5.2 Desativação dos Catalisadores por Sinterização
3.6.5.3 Desativação dos Catalisadores por Coqueamento
3.6.6 Regeneração dos Catalisadores de Reforma de Nafta

4 PARTE EXPERIMENTAL
4.1 Preparação dos Catalisadores
4.2 Caracterização e Avaliação do Desempenho Catalítico
4.2.1 Análise Química
4.2.1.1 Determinação do Teor de Cloro
4.2.2 Redução à Temperatura Programada (TPR)
4.2.3 Quimissorção de Hidrogênio
4.2.4 Microscopia Eletrônica de Transmissão (TEM) e Difração de Elétrons (ED)
4.2.5 Espectroscopia no Infravermelho com Transformadas de Fourier (FTIR) de Monóxido de Carbono Adsorvido
4.2.6 Avaliação Catalítica das Amostras
4.2.6.1 Avaliação da Função Metálica
4.2.6.1.1 Determinação da Energia de Ativação na Reação de Desidrogenação de Ciclo-hexano
4.2.6.1.2 Avaliação da Resistência dos Catalisadores ao Envenenamento por Enxofre
4.2.6.2 Avaliação da Função Ácida 4.2.6.3 Reforma de n-Octano
4.2.7 Oxidação à Temperatura Programada (TPO)

5 RESULTADOS
5.1 Análise Química
5.2 Redução à Temperatura Programada (TPR)
5.3 Medidas de Quimissorção de Hidrogênio
5.4 Microscopia Eletrônica de Transmissão (TEM) e Difração de Elétrons (ED)
5.5 Espectroscopia no Infravermelho com Transformada de Fourier (FTIR) de CO Adsorvido
5.6 Avaliação Catalítica das Amostras
5.6.1 Avaliação da Função Metálica
5.6.1.1 Determinação da Energia de Ativação na Desidrogenação de Ciclo-hexano
5.6.1.2 Avaliação da Resistência dos Catalisadores ao Envenenamento por Enxofre
5.6.2 Avaliação da Função Ácida
5.6.3 Avaliação dos Catalisadores na Reforma de n-Octano

6 DISCUSSÃO

7 CONCLUSÕES

8 PERSPECTIVAS

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Sinopse

A descoberta do "pré-sal" abriu um novo horizonte para a exploração de petróleo no Brasil. Como consequência, são necessários investimentos em tecnologias e pesquisas, voltadas à extração e reno desse combustível. Conhecimentos em catálise, relativos às reações de interesse para a indústria do petróleo, como a reforma catalítica de nafta, adquirem dimensão considerável. A reforma de nafta é a principal via de obtenção da gasolina, para veículos automotores, e de compostos aromáticos, usados pela indústria petroquímica na fabricação de plásticos, tintas, borrachas, dentre outros produtos. As reações em reforma ocorrem, geralmente, sobre catalisadores de metais nobres suportados em alumina. Este livro oferece ao leitor uma visão geral deste importante processo industrial, bem como das principais etapas experimentais envolvidas no desenvolvimento de sistemas catalíticos para esta aplicação.

Ver maisVer menos

Depoimentos sobre o livro

Envie seu depoimento

Seja o primeiro a publicar um depoimento sobre o livro!