Ergonomia Construtiva

Pierre Falzon (org.)

2016 — 1ª edição
Lançamento

R$ 102,00

Disponível em estoque

Sobre o Livro

ISBN: 9788521209928
Páginas: 344
Formato: 16x23 cm
Ano de Publicação: 2016
Peso: 0.505 kg

Conteúdo

Apresentação
Laerte Idal Sznelwar

Por uma ergonomia construtiva
Pierre Falzon


Seção 1 - Recursos e condições do desenvolvimento

1. O desenvolvimento das competências: uma condição para a construção da saúde e do desempenho no trabalho
Catherine Delgoulet e Christine Vidal-Gomel

2. O desenvolvimento da atividade coletiva
Sandrine Caroly e Flore Barcellini

3. O desenvolvimento da dimensão psicossocial no trabalho
Laurent Van Belleghem, Sandro de Gasparo e Irène Gaillard

4. Da adaptação do movimento ao desenvolvimento do gesto
Yannick Lemonie e Karine Chassaing

5. Do tempo constrangido ao tempo construído: para uma organização capacitante do trabalho em turnos alternantes e do trabalho noturno
Cathy Toupin, Béatrice Barthe e Sophie Prunier-Poulmaire

6. A atividade, recurso para o desenvolvimento da organização do trabalho
Fabrice Bourgeois e François Hubault

7. Construir a segurança: do normativo ao adaptativo
Adelaide Nascimento, Lucie Cuvelier, Vanina Mollo, Alexandre Dicioccio e Pierre Falzon

8. Percurso de trabalho e desenvolvimento
Corinne Gaudart e Elise Ledoux


Seção 2 - Dinâmicas de ação, dinâmicas de desenvolvimento

9. A intervenção como dinâmica de desenvolvimento conjunto dos atores e da organização
Johann Petit e Fabien Coutarel

10. A concepção dos instrumentos como processo dialógico de aprendizagens mútuas
Pascal Béguin

11. Da análise dos usos à concepção dos artefatos: o desenvolvimento de instrumentos
Gaëtan Bourmaud

12. Prevenção das LER/DORT e desenvolvimento do poder de agir
Fabien Coutarel e Johann Petit

13. Os projetos de concepção como oportunidade de desenvolvimento das atividades
Flore Barcellini, Laurent Van Belleghem e François Daniellou

14. Práticas reflexivas e desenvolvimento dos indivíduos, dos coletivos e das organizações
Vanina Mollo e Adelaide Nascimento

15. A coanálise construtiva das práticas
Justine Arnoud e Pierre Falzon

16. A autoanálise do trabalho: um recurso para o desenvolvimento das competências
Bénédicte Six-Touchard e Pierre Falzon

Sinopse

Este livro irá auxiliar ergonomistas, profissionais que se ocupam das questões do trabalho e os próprios trabalhadores a compreenderem diversas questões e a proporem transformações. Os capítulos reforçam a ideia da construção, do desenvolvimento, de algo que se faz em comum com outros interlocutores, o que diz respeito também a questões de organização temporal, processos de aprendizagem, processos de concepção e desenvolvimento da organização do trabalho e das práticas profissionais. Também são abordados os processos de capacitação, de aprendizagem contínua e de reflexão, assim como reflexões ligadas à saúde mental no trabalho.
Que esta leitura sirva de inspiração para o desenvolvimento das trajetórias de todos e para transformações efetivas no trabalho, na vida dos sujeitos, na construção e na consolidação dos coletivos e das profissões, assim como na contribuição para o desenvolvimento da sociedade e da cultura. 

Laerte Idal Sznelwar

Ver maisVer menos

Depoimentos sobre o livro

Envie seu depoimento

Seja o primeiro a publicar um depoimento sobre o livro!