Interfaces Prediais

Hidráulica, gás, segurança contra incêndio, elétrica e telefonia

Roberto de Carvalho Júnior

2017 — 1ª edição
Lançamento

R$ 80,00

Disponível em estoque

Sobre o Livro

ISBN: 9788521212157
Páginas: 264
Formato: 21x28 cm
Ano de Publicação: 2017
Peso: 0.581 kg

Conteúdo

CAPÍTULO 1
INTERFACES DAS INSTALAÇÕES HIDRÁULICO-SANITÁRIAS COM O PROJETO ARQUITETÔNICO

1.1 Considerações gerais
1.2 Interfaces do ramal predial de água fria com o projeto arquitetônico
1.2.1 Medição de água individualizada
1.3 Sistemas de abastecimento e suas interfaces com a arquitetura
1.3.1 Sistema de distribuição direto
1.3.2 Sistema de distribuição indireto
1.3.3 Sistema de distribuição misto
1.4 Instalação de aparelhos sanitários no projeto arquitetônico
1.4.1 Instalações em banheiros
1.4.2 Instalações em cozinhas
1.4.3 Instalações em áreas de serviço
1.5 Os reservatórios no projeto arquitetônico
1.5.1 Reservatório superior
1.5.2 Reservatório inferior
1.5.3 Sistema elevatório (casa de bombas)
1.5.4 Reserva de água fria
1.5.5 Tipos de reservatório
1.5.6 Altura do reservatório
1.5.7 Influência dos reservatórios na qualidade da água
1.6 Interfaces das pressões mínimas e máximas com o projeto arquitetônico
1.6.1 Pressão estática
1.6.2 Pressão dinâmica
1.6.3 Pressão de serviço
1.6.4 Dispositivos controladores de pressão e suas interfaces com as edificações
1.7 Ruídos e vibrações em instalações prediais
1.8 Sistemas de aquecimento de água e suas interfaces com a arquitetura
1.8.1 Aquecedores elétricos
1.8.2 Aquecedores a gás
1.8.3 Aquecedores solares
1.9 Interfaces das instalações hidráulicas com os projetos arquitetônico e estrutural
1.9.1 Prumadas hidráulicas
1.9.2 Instalações embutidas e aparentes
1.9.3 Áreas destinadas aos dutos de passagem e inspeção (shafts)
1.9.4 Compartimentos rebatidos (parede hidráulica)
1.10 Ligação da rede de esgoto ao sistema público
1.11 Sistema de reutilização de águas cinzas em projetos residenciais
1.12 Sistema de águas pluviais e suas interfaces com a arquitetura
1.12.1 Calhas e rufos nas edificações
1.12.2 Condutores verticais no projeto arquitetônico
1.12.3 Vazão concentrada em telhados
1.12.4 Condutores horizontais e suas interfaces com os níveis do terreno
1.12.5 Utilização de água da chuva em edificações

CAPÍTULO 2
INTERFACES DAS INSTALAÇÕES DE GÁS COM O PROJETO ARQUITETÔNICO

2.1 Considerações gerais
2.2 Legislação
2.3 Distribuição do GLP
2.4 Tipos de instalações
2.4.1 Instalações residenciais
2.4.2 Instalações em prédio de apartamentos
2.5 Prumadas de gás no projeto arquitetônico
2.6 Central de GLP e suas interfaces com o projeto arquitetônico

CAPÍTULO 3
INTERFACES PREDIAIS DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO COM O PROJETO ARQUITETÔNICO

3.1 Considerações gerais
3.2 Características da edificação e área de risco
3.3 Projeto Técnico (PT)
3.4 Projeto Técnico Simplificado (PTS)
3.4.1 Certificado de Licença do Corpo de Bombeiros (CLCB)
3.5 Projeto Técnico para Instalação e Ocupação Temporária (PTIOT)
3.6 Projeto Técnico para Ocupação Temporária em Edificação Permanente (PTOTEP)
3.7 Classificação dos incêndios
3.8 Medidas de segurança contra incêndio
3.8.1 Medidas ativas de proteção
3.8.2 Medidas passivas de proteção

CAPÍTULO 4
INTERFACES DAS INSTALAÇÕES ELÉTRICAS COM O PROJETO ARQUITETÔNICO

4.1 Considerações gerais
4.2 Padrão de entrada
4.3 O quadro de medição de energia na implantação da edificação
4.4 O quadro de distribuição de energia no projeto arquitetônico
4.5 Prumadas elétricas e caixas de passagem
4.6 Previsão de pontos de elétrica em instalações residenciais
4.6.1 Sala
4.6.2 Escritório
4.6.3 Quarto
4.6.4 Terraço
4.6.5 Banheiros
4.6.6 Cozinha
4.6.7 Área de serviço
4.6.8 Pontos externos
4.7 Previsão de tomadas de corrente e o projeto de arquitetura
4.7.1 Tomadas de uso geral
4.7.2 Tomadas de uso específico
4.8 Quantidade mínima de tomadas
4.8.1 Tomadas de uso geral
4.8.2 Tomadas de uso específico
4.9 Luminotécnica
4.9.1 Aparelhos de iluminação
4.9.2 Tipos de luminárias segundo o modo de aplicação da luz
4.9.3 Tipos de lâmpadas
4.9.4 Interfaces da iluminação com o projeto arquitetônico
4.9.5 Cálculo de iluminação
4.10 Componentes das instalações e suas interfaces com o projeto arquitetônico
4.10.1 Dispositivos de proteção
4.10.2 Eletrodutos
4.10.3 Caixas
4.10.4 Condutores de eletricidade
4.10.5 Dispositivos de manobra

CAPÍTULO 5
INTERFACES DAS INSTALAÇÕES DE TELEFONIA COM O PROJETO ARQUITETÔNICO

5.1 Considerações gerais
5.2 Entrada telefônica
5.2.1 Poste particular para entrada telefônica
5.2.2 Caixa externa para entrada telefônica
5.2.3 Ramal de entrada telefônica
5.3 Prumada telefônica
5.4 Caixas de distribuição
5.5 Caixas de saída
5.6 Tomadas de telefonia
5.7 Critério para previsão de pontos telefônicos
5.8 Critério para previsão de caixas de saída
5.8.1 Residências ou apartamentos
5.8.2 Lojas
5.8.3 Escritórios

CAPÍTULO 6
ADEQUAÇÕES DAS INSTALAÇÕES PARA PESSOAS COM NECESSIDADES ESPECIAIS

6.1 Considerações gerais
6.2 Sanitários
6.2.1 Instalação de aparelhos
6.2.2 Instalação de acessórios


REFERÊNCIAS

Sinopse

Este livro foi desenvolvido com a finalidade de apresentar uma visão conceitual simples e didática dos vários subsistemas das instalações prediais e suas principais interfaces com o projeto de arquitetura.

Durante trinta anos atuando como projetista de instalações, o engenheiro Roberto de Carvalho Júnior constatou vários problemas de compatibilidade entre o projeto arquitetônico e os projetos de instalações prediais hidráulico-sanitárias, de gás, de segurança contra incêndio, de elétrica e de telefonia. Como professor de disciplinas de instalações prediais em faculdades de Arquitetura e Urbanismo e de Engenharia Civil, observou a carência e a importância de uma bibliografia que atendesse às necessidades de aprendizado e consulta sobre as interfaces físicas e funcionais do projeto arquitetônico com instalações prediais. 
Atualmente, a tecnologia BIM (building information modeling ou modelagem de informação da construção) vem sendo cada vez mais utilizada por escritórios de arquitetura e engenharia, tanto no Brasil quanto no exterior. Trata-se de um conceito que envolve o gerenciamento de informações dentro de um edifício desde sua fase inicial de projeto, para o qual é criado um modelo digital que abrange todo o ciclo de vida da edificação. O estudo das instalações prediais e suas interfaces com o projeto arquitetônico é condição básica para que arquitetos e engenheiros utilizem essa nova tecnologia, que surge no mercado para o total gerenciamento de edificações.
Assim, este livro foi desenvolvido com a finalidade de apresentar a arquitetos, engenheiros civis e alunos dos cursos de Arquitetura e Urbanismo e de Engenharia Civil uma visão conceitual simples e didática dos vários subsistemas das instalações prediais e suas principais interfaces com o projeto de arquitetura, bem como mostrar a necessidade de integração das instalações com os demais subsistemas construtivos envolvidos na construção de um edifício.

Ver maisVer menos

Depoimentos sobre o livro

Envie seu depoimento

Seja o primeiro a publicar um depoimento sobre o livro!