Tutor EAD e o processo da tutoria na Universidade Aberta do Brasil

Otacílio Antunes Santana , Maria Auxiliadora Soares Padilha

2017 — 1ª edição

Formato: E-book em PDF

Sobre o Livro

ISBN: 9788580393019
Páginas: 105
Formato: E-Book em PDF
Ano de Publicação: 2017

Conteúdo

Parte I - FUNDAMENTOS E ELEMENTOS PARA DISCUSSÃO

1 A Tutoria no contexto da institucionalização da educação a distância
Maria Auxiliadora Soares Padilha

2 Tutoria e o sujeito tutor na Universidade Aberta do Brasil: mediações, formação e narrativas
Otacilio Antunes Santana

Parte II - VIVÊNCIAS, MEMÓRIAS E NARRATIVAS DO SUJEITO TUTOR

3 Argumentação mediada por aplicativos de conversa
Alisson Michel Silva Valença

4 Tutoria como processo de superação
Aluisio Cesar Barbosa dos Santos

5 Experiências em letras/espanhol em EaD
Amanda Brandão Araújo Moreno

6 Tutoria – um processo educador
Cristiane Gama da Silva

7 A descoberta de uma nova possibilidade de atuação profissional
Italo Welke de Andrade

8 A tutoria, o pioneirismo e a matemática
Josélio Carlos de Oliveira

9 A Tutoria como desafio para os novos rumos educacionais
Juliana Siqueira Sercundes

10 Tutoria: uma relação em rede com o ensino e a aprendizagem
Luiz Carlos dos P. Serpa Alfino

11 Licenciatura em Matemática a Distância – UFPE
Maria do Livramento Santos da Silva

12 Tutoria EaD no Curso de Ciências Contábeis
Regiane Cunha da Silva  

13 e-tutoria missão e concretização
Rosele Cavalcanti Silveira

Parte III - REFLEXOS DA TUTORIA NA EDUCAÇÃO BÁSICA

14 Implicações sociais dos objetos educacionais construídos por tutores EaD com reflexos na educação básica
Otacilio Antunes Santana I Raquel Bernardo de Melo Clodoaldo de Lima I Carla Valéria de Miranda Costa Duarte

Parte IV - INTERFACE ENTRE OS CAPÍTULOS

15 O que ficou: da síntese aos caminhos
Otacilio Antunes Santana

Glossário

Índice remissivo

Sinopse

Um fantasma. Esse seria um termo conceitual que imagino ao me expressar sobre o Tutor no  “ambiente de aprendizagem”. Sim, estou falando do Tutor que trafega entre um sistema educacional concebido e o aluno, a perpassar por uma máquina (o computador ou celular). Fantasma não no sentido dopoltergeist, mas no sentido de engel (anjo). Aquele que não senta na cátedra, porém possui funções que, mesmo sem uma prometida diplomação ontológica, o eleva a categoria de gran magister.

O livro em questão flerta com o perigoso. Traz à tona as vivências, as memórias e as narrativas dos Tutores, ou seja, traz à tona o subconsciente da Universidade Aberta do Brasil, e isso pode revelar, ou mostrar ao sol, quem é que deveria sentar na cátedra imaginária de todo sucesso que existe nesse sistema educacional. 

Ver maisVer menos

Depoimentos sobre o livro

Envie seu depoimento

Seja o primeiro a publicar um depoimento sobre o livro!